07 Surpreendentes Benefícios do Óleo Essencial de Erva Doce

O óleo essencial de erva-doce é obtido através da destilação a vapor das sementes de erva-doce. O uso das sementes de erva-doce é muito utilizado no preparo de um gostoso chá, ou ainda para dar mais sabor aquele bolo de fubá.

Além dessas formas de uso nas aplicações culinárias, também é muito eficiente na higiene bucal. Eles são ainda muito usados ​​para fins medicinais. Você vai se surpreender com os benefícios do óleo essencial de erva doce.

 

Para que serve o óleo essencial de erva doce?

Entre muitas outras coisas, é indicado para melhorar a saúde, uma vez o mesmo é rico em propriedades curativas tais como: antiespasmódico, antisséptico, diurético, depurativo, expectorante, laxante, estimulante, estomacal, tônico e uma substância vermífuga.

Além disso, ele diminui a fome, pode ter resultados positivos para reduzir aquela gordurinha localizada que tanto nos incomoda. Para aliviar também os sintomas indesejados da tensão pré-menstrual, inclusive quando o assunto é menopausa, o mesmo tem eficácia diminuindo a tensão e trazendo bem-estar geral.

Leia também um artigo sobre como aliviar 10 sintomas da menstruação

10 surpreendentes benefícios do óleo essencial de Erva Doce

Vamos conferir abaixo os benefícios surpreendentes do óleo essencial de erva doce.  Eficiente no auxilio de tratamento medicinais de vários problemas de saúde, e isso é muito importante pois essa alternativa natural só ajuda e em muitos casos até acelera a cura de algumas enfermidades.

Os óleos essenciais são muito utilizados na aromaterapia, onde servem como uma opção saudável de natural, não apenas para tratar problemas de saúde, mas também, beleza, culinária e até animais domésticos podem aproveitar os benefícios de alguns óleos. Bora saber mais!!

Não deixe de conferir um artigo um guia completo sobre aromaterapia.

1. Melhora e cura feridas

Como o óleo essencial de erva-doce tem propriedades antissépticas, isso ajuda proteger e até curar certos machucadas ou feridas. Ele também é eficaz evitando que em casos de corte, nas incisões possam infeccionar e causar tétano, nos casos de partos por cesáreas ou cirurgias, como em feridas mais graves.

 

2. Ótimo para aliviar prisão de ventre

Por ser carminativo, ele ajuda no caso de prisão de ventre, aliviando os intestinos uma vez que os gases escapam. Todos sabemos que é bem ruim ter esse tipo de problema como indigestão, e as vezes isso causa dores no abdômen, no estômago e tórax.

Para quem tem hipertensão, o óleo de essencial de erva doce é muito bom para controlar e baixar a pressão.

É importante sempre se lembrar que os óleos essenciais devem ser diluídos em um óleo transportador antes de usar. E ainda, que nunca devem ser ingeridos, sem uma orientação de um profissional, apesar de serem 100% puros, pode ocorrer alergias e outros problemas desnecessários.

 

3. Estimula a micção

Outro grande benefício desse óleo é que ele aumenta a quantidade de urina e também a frequência de micção. Isso remove o excesso de sódio no organismo, diminui ainda o ácido úrico, os sais biliares e outros elementos tóxicos do corpo, como se fosse um detox.

Além disso, contribui para baixar a pressão arterial, tem a eficácia de fazer limpeza nos rins e diminui a gordura.

No entanto, precisa ficar atento; se você tem problema com acúmulo de água e isso provoca inchaço no corpo, é bom beber mais água ao tomar óleo de erva-doce, pois o excesso de micção repetida pode causar desidratação.

 

leite materno
Bebê sendo amamentado com leite materno no seio da mãe

4. Melhora a produção de leite materno

Uma preocupação normal da maioria das mamães é sobre a produção de uma quantidade satisfatória de leite ou seja o medo da falta de leite materno. E para aumentar a produção de leite, um forte aliado é o óleo essencial de erva doce. Uma vez que ele aumenta a produção de um hormônio chamado estrogênio.

Isso faz bem tanto para o bebê quanto para a mãe. Este leite também contém algumas das propriedades carminativas e digestivas e protege o bebê de flatulência diminuindo os gases e evitando as cólicas que tanto judiam dos pequenos.

Confira um artigo sobre como usar óleos essenciais em bebes e crianças

 

5. Atua como estimulante diurético

O óleo de erva-doce atua como um potente diurético, pois possuí uma única propriedade, que é sua qualidade estimulante, e isso promove todas as atividades que ocorrem dentro do corpo. Quando a pessoa se encontra cansada psicologicamente, ele estimula a atividade cerebral e neural, acalmando o sistema nervoso.

Isso faz com que os fluxos das glândulas endócrinas e exócrinas (incluindo a eliminação de leite, suor, lágrimas, urina e os sangramentos durante a menstruação), sistema digestivo e excretor.

Com essa eficiência estimulante, ocorre uma melhora em caso de fadiga, tontura e depressão.

 

6. Purifica o sangue

Quando o assunto é sobre desintoxicar o organismo, o óleo de erva-doce é muito eficaz, uma vez que ajuda purificar o sangue, sendo, portanto, considerado um potente depurativo.

Também auxilia na limpeza do sangue da ureia, do ácido úrico e de outros hormônios não aceitos, que são as principais toxinas. Equilibra o nível de sódio e ajuda na eliminação de substancias encontrada em nossa corrente sanguínea.

 

7. Para fortalecer o Cabelo

O tipo de coisa que incomoda e muito é quando ocorre muita queda de cabelo, isso ocorre em geral quando os fios estão fracos e danificados, assim sendo as quedas é um sinal de que há deficiência de nutrientes em nosso organismo.

Ou seja, nosso corpo necessita de mais vitaminas e minerais tais como magnésio, cálcio, ferro, vitamina D, entre outros.

O óleo essencial de erva-doce ajuda prevenir a queda dos fios. Isso ocorre pois 75% da sua composição dele é composta por Anetol, um composto que contribui para que ocorra mais produção de estrogênio. O estrogênio é muito importante para que a queda dos cabelos diminua.

Confira nosso artigo sobre como ter cabelos macios e sedosos.

 

Sobre o uso correto

Nota: Devido conter em sua composição o trans-anetol, é necessário ter muito cuidado ao fazer uso do óleo essencial de erva-doce (como todos os óleos essenciais), lembre-se ainda que é preciso diluí-los em um óleo transportador. Consulte um aromaterapeuta ou se fizer uso de medicamentos uso contínuo melhor conversar com seu médico.

Essas foram os benefícios do óleo essencial de erva doce. Aproveite ao máximo, e escolha sempre óleos de procedência e com qualidade, devem, portanto, ser puros e 100% naturais.

Para ficar por dentro das informações, cuidados e benefícios dos óleos essenciais, siga-nos em nossas redes sociais.

Obrigada e até a próxima!

meus oleos essenciais

Óleos essenciais utilizados na aromaterapia proporcionam benefícios para a saúde
Os óleos essenciais são substâncias sintetizadas, armazenadas e liberadas pelas plantas. Sendo completamente de origem vegetal, os óleos essenciais proporcionam benefícios para a saúde e bem-estar físico e emocional por meio da aromaterapia.

Compartilhe!