O que é óleo mineral, para que serve e como usar?

O óleo mineral é uma substância química de venda livre feita de óleo de petróleo bruto que ocorre naturalmente. Os óleos minerais são líquidos incolores, transparentes e oleosos, inodoros e insípidos. Eles são insolúveis em água e etanol, solúveis em benzeno, éter de petróleo, dissulfeto de carbono e óleos voláteis.

Você vai conferir a seguir o que é óleo mineral, para que serve e como usar. Uma série complexa de etapas de processamento é necessária para produzir óleos minerais com as propriedades físicas e pureza necessárias para tornar cosméticos, alimentos e produtos farmacêuticos seguros para consumo.

O que é óleo mineral
Frascos com óleo vegetal

 

Diferença entre óleo mineral x óleo vegetal

Os óleos minerais também são chamados de óleos básicos. Os óleos são conhecidos pelos seus efeitos hidratantes e nutritivos para o corpo, porém existem diferenças entre óleo vegetal e óleo mineral, e não é qualquer óleo que garante esses efeitos.

Os óleos minerais proporcionam apenas efeito hidratante, mas eles age de uma maneira diferente dos óleos vegetais.

Quando em contato com a pele, o óleo mineral forma uma barreira na superfície, impedindo que a água evapore – ou seja, ele tampa os poros e evita o ressecamento da pele.

Graças a essa barreira que é formada, o óleo mineral possui aplicação recomendada em queimaduras, pois protege a região lesionada e evita que ela resseque; de maneira geral, é mais recomendado para proteção do que para hidratação.

Já os óleos vegetais apresentam melhor desempenho para hidratação e nutrição da pele. Eles são formados por trigliceróis e, dependendo de qual fonte o óleo vegetal é extraído, podem ter presentes também vitaminas, nutrientes e antioxidantes.

Além de poderem ser utilizados como hidratantes, alguns óleos vegetais têm ótimo desempenho na culinária e como “óleos carregadores” – ou seja, servem para diluir óleos essenciais, de modo que os óleo vegetais “carreguem” o essencial, pois os óleos essenciais são muito concentrados e podem causar irritações na pele.

 

Óleos Essenciais

Os óleos essenciais são obtidos a partir da extração de flores, folhas, frutos, caules e raízes de plantas aromáticas. São considerados a “alma da planta”, por serem altamente concentrados, puros e aromáticos. Possui consistência menos densa que o óleo vegetal e, diferente deste, é extremamente volátil.

Por serem extremamente concentrados, não devem ser utilizados puros sobre a pele. Devem ser diluídos em um óleo transportador, como por exemplo os óleos vegetais. A diluição recomendada por profissionais da aromaterapia, são entre 2% a 3% de óleo essencial na substância carreadora.

Para saber tudo sobre o uso dos óleos essenciais, confira também um guia completo sobre aromaterapia.

 

Benefícios para a saúde e pele seca

Os óleos minerais são geralmente usados ​​e têm vários benefícios à saúde, desde amaciar a pele até aliviar a constipação. Os cosméticos são formulados com óleo mineral há mais de um século. Muitos produtos para a pele contêm óleos minerais porque são hidratantes eficazes.

A maioria das pessoas escolhe o óleo mineral devido aos seus potentes efeitos hidratantes e suavizantes da pele.

Se você tem pele muito seca, o óleo mineral pode ajudar. Os óleos minerais criam uma barreira na pele que sela a umidade e reduz a perda de água transepidérmica ou seja camadas epidérmicas (evaporação da água através da pele). É por isso que funcionam melhor após o banho, quando a pele está úmida.

Os pés são algumas das partes mais secas do nosso corpo. Quando seus pés estão secos e com rachaduras, aplicar óleo mineral com um pouco de água antes de dormir pode fazer maravilhas para torná-los macios novamente. Coloque meias para ajudar a reter mais umidade e evitar que os lençóis fiquem gordurosos.

 

Constipação

O óleo mineral é um lubrificante e laxante. Tomar óleo mineral por via oral ou usá-lo como enema pode ajudar a aliviar a constipação aguda.

Ele também atua como um lubrificante que torna mais fácil para as fezes deslizarem para baixo no cólon se ficarem presas no intestino grosso. Essa “maciez” alivia a dor associada a um rasgo interno (fissura) ou hemorroida durante as evacuações, tornando as fezes menos resistentes à medida que saem. A evacuação pode demorar até oito horas. Tente tomar óleo mineral com isso em mente.

 

Eczema

Se sua pele estiver irritada e com coceira por causa do eczema, o óleo mineral pode ser um ótimo agente calmante e hidratante. O óleo mineral é um dos melhores produtos tópicos para eczema. Pomadas, com óleo mineral, têm o maior teor de óleo, portanto não queimam a pele sensível.

O óleo mineral é mais eficaz para o eczema quando aplicado na pele molhada. Pode ser uma boa alternativa se você preferir evitar cremes de cortisona, especialmente se você estiver aplicando-os na pele sensível do bebê.

 

Remoção de cera de ouvido

Você pode remover com segurança o acúmulo de cera de ouvido com óleo mineral. O óleo mineral ajuda a dissolver a cera do ouvido e hidrata o canal auditivo, tornando mais fácil o deslocamento da cera. Você pode colocar várias gotas de óleo mineral dentro do canal auditivo com um conta-gotas.

Você deve primeiro verificar com seu médico se você usa aparelhos auditivos ou teve perfurações no tímpano antes de tentar remover a cera do ouvido em casa.

 

Dermatite seborreica

A dermatite seborreica afeta muitos bebês no primeiro ano de vida, o que pode ser frustrante para os pais. Esfregar uma pequena quantidade desse óleo na cabeça do bebê pode tratar essa condição.

Após a aplicação, deixe o óleo por algumas horas, massageie suavemente o couro cabeludo com uma escova macia e penteie as escamas soltas. Certifique-se de sempre lavar o cabelo do seu bebê depois de aplicar óleo mineral, porque o acúmulo de óleo pode piorar o problema.

Se você estiver usando óleo mineral para eliminar caspa, siga as mesmas etapas para remover as crostas.

Óleo mineral em tubos de ensaio

Possíveis efeitos colaterais e precauções

O óleo mineral é geralmente considerado seguro. Quando usado topicamente, repousa principalmente nas camadas superiores da pele, portanto, há pouco risco de efeitos colaterais sistêmicos. Mas existem algumas reações a serem observadas com outros usos.

Uso oral Siga estas precauções;

Não tome óleos minerais por mais de uma semana, a menos que seu médico recomende. Usar laxantes por muito tempo pode tornar seu corpo dependente deles para evacuações regulares, danificar o intestino e causar desnutrição. O uso a longo prazo também pode criar problemas com a quantidade de água e sais em seu corpo.

Mulheres grávidas devem evita-lo. A ingestão de óleos minerais pode interferir na absorção de algumas vitaminas pela gestante, o que pode causar hemorragia no recém-nascido.

A inalação do mesmo é particularmente perigosa e pode causar pneumonia. Tomar óleos minerais dentro de duas horas de outro medicamento pode reduzir a potência de seu medicamento.

Pessoas com dificuldade de engolir não devem tomar óleo mineral, pois ele pode entrar acidentalmente nos pulmões e causar pneumonia. Pacientes geriátricos devem evitar tomar óleo mineral por via oral devido ao potencial de aspiração ou outros efeitos adversos.

 

Enema

Enemas à base de óleo mineral podem causar erupção cutânea, coceira ou urticária, inchaço da face, lábios ou língua; diarreia grave ou dificuldade em respirar ou falta de ar. Você deve relatar qualquer um desses efeitos colaterais imediatamente ao seu médico.

Outros efeitos colaterais incluem:

  • Irritação da pele retal
  • Fezes soltas
  • Desconforto no estômago ou cólicas inferiores
  • Náusea

O óleo mineral pode torná-lo suscetível ao aumento da penetração dos raios ultravioleta (UV), o que é um risco de câncer de pele.

Dosagem Oral de Constipação

Bebês e crianças menores de 6 anos não devem tomar laxantes em geral, a menos que sejam orientados por um médico. O mesmo se aplica ao óleo mineral.

As crianças têm maior probabilidade de inalar óleo mineral devido à sua tenra idade, aumentando o risco de pneumonia. Estas são as dosagens recomendadas para administração oral para constipação:

Adultos, adolescentes e crianças com 12 anos ou mais: A dose recomendada é de 30 a 90 ml por dia (ou seja, por via oral), conforme necessário para aliviar a constipação. A dose diária máxima pode ser administrada em dose única ou dividida em até três partes iguais.

Não deve ser usado por mais de uma semana, a menos que seja dirigido por um médico.

Crianças de 6 a 11 anos: A dose recomendada é de 10 a 30 ml por dia, conforme necessário para aliviar a constipação. A dose diária máxima pode ser administrada em dose única ou dividida em até três partes iguais. Bebês e crianças menores de 6 anos, a segurança e a eficácia não foram estabelecidas.

Os produtos cosméticos que contêm óleo mineral não apresentam riscos para a saúde em condições normais de uso.

É importante entender que o tipo de óleo mineral altamente refinado e purificado usado em cosméticos e produtos de higiene pessoal é diferente das formas “brutas” ou não refinadas de óleo mineral usadas nas indústrias automotiva, ferroviária e de aviação.

Esperamos que todas as suas dúvidas sobre óleos minerais tenham sido sanadas, e ressaltamos a importância em caso de dúvida, consultar um médico responsável. Compartilhe conosco suas experiências com óleos minerais ou essenciais. Continuem nos acompanhando aqui no site e através das nossas redes sociais.

Obrigada e até a próxima!

 

meus oleos essenciais

Óleos essenciais utilizados na aromaterapia proporcionam benefícios para a saúde
Os óleos essenciais são substâncias sintetizadas, armazenadas e liberadas pelas plantas. Sendo completamente de origem vegetal, os óleos essenciais proporcionam benefícios para a saúde e bem-estar físico e emocional por meio da aromaterapia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *